Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Erva Daninha, em 16.01.10

(des)sintonia

oooooooooooooooooooo

Está tudo lá, pensam, sem que uma gota de dúvida se afirme que devolvesse a outra face, o outro lado da moeda.

Os olhos não mentem, dizem, mas ignoram os fenómenos químicos que (também) constroem imagens no entendimento. Os sonhos e os pesadelos.

Às vezes pensam estar certos na observação que fazem dos outros e nas conclusões que tecem à sua personalidade e à sua atitude.O mundo inteiro gira ao ritmo dos desentendimentos. E todos os desentendimentos são provocados por falhas de comunicação.

Comunicação em diálogo: Mensagem, emissor, receptor, meio de transmissão, codificação, encriptação, tradução, registo, contexto.

Estes são os pontos em que tem de haver alguma sintonia, ou haverá apenas um ou dois monólogos mais ou menos castradores.

oooooooooooooooooooooooooooooo

Autoria e outros dados (tags, etc)

00:40


Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



 



Subscrever

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Condomínio

Neste prédio vivem criaturas fora de série, mas no sentido desmiolado da expressão :-/


Gato Vadio

Erva Daninha

Crocodila Maria

Humana

Há gatos a patrulhar o prédio, mas apenas o vadio sobe ao telhado. Temos ervas daninhas, quase todas com estatuto de flor de estufa. A última aquisição foi a Maria, encarregada de patrulhar e controlar os insectos do jardim. A pôr ordem nisto tudo, uma humana cuja principal função é impedir que as patrulhas se cruzem :-s